Segunda, 10 de Maio de 2021
83 99868-8794
Anúncio
Geral BRASIL

Vereador é acusado de assédio por menor de 17 anos e suplica para não ser denunciado: “Estou desesperado!”

De acordo com a vítima, o parlamentar chegou a oferecer R$ 500 para ter relações sexuais com ela

30/04/2021 11h09
Por: Mídia Paraíba Fonte: Portal WSCOM com 247
Vereador é acusado de assédio por menor de 17 anos e suplica para não ser denunciado: “Estou desesperado!”

O vereador Fulvio Cuba do Amaral (PSDB), de Cerquilho (SP), foi denunciado por assédio sexual por uma adolescente de 17 anos. Ele gravou áudio relatando desespero e pediu que ela não registrasse o caso na Polícia Civil. A menor trabalhava na farmácia de propriedade do vereador.

De acordo com a vítima, o parlamentar chegou a oferecer R$ 500 para ter relações sexuais com ela. “Viu, pelo amor de Deus, não faz nada contra mim perante a delegacia, nada, boletim de ocorrência. Não por causa de mim, por causa do [nome]. O [nome] não consegue entrar na polícia, eu estou desesperado!”, disse o parlamentar no áudio.

A jovem procurou a polícia em 1º de abril, um dia depois do suposto assédio. os relatos foram publicados em reportagem do portal G1.

“Já estava quase na hora de eu sair, só estávamos nos dois na farmácia. Entrei na cozinha para beber água e ele foi atrás. Eu estava de costas e ele veio e me segurou por trás”, disse.

“Não me deixava sair, eu falando que não queria, tentando empurrar, tentando sair daquele lugar. Já ficando muito desesperada. Ele tentou me beijar, dizia que estava sendo carinhoso comigo. Foi horrível. Nunca passou pela minha cabeça viver isso. Com 17 anos, só estava pensando na minha faculdade”, contou.

 

Ele1 - Criar site de notícias