Anúncio
Redação

Procuradoria-Geral da República entra com recurso e pede prisão de Ricardo

O recurso, em forma de agravo regimental, foi dirigido à ministra Laurita Vaz.

23/12/2019 23h27
Por: Redacao
Fonte: Redação

A Procuradoria-Geral da República acaba de entrar com um recurso para tentar reverter a decisão do ministro Napoleão Maia, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que determinou a soltura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), no último sábado (21).

A prisão de Coutinho havia sido determinada pelo desembargador Ricardo Vital, do Tribunal de Justiça da Paraíba.

O recurso, em forma de agravo regimental, foi dirigido à ministra Laurita Vaz, que primeiro analisou recursos de presos da sétima fase da Operação Calvário, tendo negado habeas corpus aos recorrentes.

Em síntese, a Procuradoria-Geral da República não vê sentido na libertação de Ricardo Coutinho, apontado como líder da suposta organização criminosa, enquanto os demais presos, com exceção de Cláudia Veras, Márcia Lucena e Francisco Ferreira, tenham recebido liberação da prisão decretada.

Em um trecho do documento, a PGR chama a atenção para o fato de o “desbaratamento de uma organização criminosa cair por terra, quando o seu líder maior é recolocado em liberdade”.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários