Anúncio
Por Redação

Cirurgiões plásticos garantem que não há motivo de pânico em recall de próteses de silicone

A decisão do recall atende a um pedido da agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos, a FDA, motivado por novas informações sobre a incidência de linfoma anaplásico de grandes células (ALCL) relacionada a implantes de seios.

25/07/2019 20h56
Por: Redacao
Fonte: Nota
O cirurgião plástico Wellerson Marcos Mattioli, disse ao Portal ClickPB, nesta quinta-feira (25), que não há recomendação para troca dos implantes. (Foto: Reprodução/Arquivo)
O cirurgião plástico Wellerson Marcos Mattioli, disse ao Portal ClickPB, nesta quinta-feira (25), que não há recomendação para troca dos implantes. (Foto: Reprodução/Arquivo)

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica emitiu uma nota oficial, nesta quinta-feira (25), de que não há motivo de alarme ou pânico, apesar da fabricante Allergan, que atua no setor de cuidados com a saúde, ter anunciado ontem um recall em todo o mundo de seus implantes de seios feitos de silicone texturizado. O secretário da regional paraibana da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o cirurgião plástico Wellerson Marcos Mattioli, disse ao Portal ClickPB, nesta quinta-feira (25), que não há recomendação para troca dos implantes.    

"E os casos dos tumores são extremamente raros. E não só nesse tipo de implante. A marca Allergan (mesmo fabricante do botox) é a maior produtora de implantes no mundo. Por isso ela foi acionada para redobrar a avaliação dos seus pacientes. Nem o FDA (Food and Drug Administration) indica a troca", disse o médico. Essa é a orientação que ele vem fazendo aos pacientes. 

A decisão do recall atende a um pedido da agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos, a Food and Drug Administration (FDA, na sigla em inglês), motivado por novas informações sobre a incidência de linfoma anaplásico de grandes células (ALCL) relacionada a implantes de seios. A agência afirmou que próteses mamárias feitos com silicone texturizado estão associados a um tipo raro de câncer. 

Segundo Wellerson Marcos Mattioli, não haverá nenhuma necessidade de troca do implante. O alerta serve para pacientes que apresentem alguma anormalidade do implante. 

As pessoas que não apresentam sintomas da doença, como inchaço ou acúmulo de líquido ao redor do implante, não precisam fazer cirurgia para retirar a prótese.

Confira as recomendações da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica:  

 

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários