Anúncio
POLÍTICA

Cunhado da prefeita de Caldas Brandão é suspeito de tentar matar vereadora Daniella Martins

A vítima e testemunhas acusam o cunhado da prefeita pela tentativa de homicídio.

13/07/2019 23h42Atualizado há 3 meses
Por: Redacao
Fonte: Por Redação
Daniella relata que o suspeito teria descido do carro com uma arma na mão e se dirigiu para onde ela estava (Foto: Facebook)
Daniella relata que o suspeito teria descido do carro com uma arma na mão e se dirigiu para onde ela estava (Foto: Facebook)

A vereadora de Caldas Brandão, Daniella Martins (PSB), sofreu neste sábado (13) uma tentativa de homicídio. Ela prestou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) na Delegacia da cidade e foi encaminhada para fazer corpo de delito. A vítima e testemunhas acusam o cunhado da prefeita pela tentativa de homicídio. 

Segundo relatou ao delegado, a vereadora estava em uma rua de um bairro, que não possuía rede elétrica e, por solicitação dos moradores, decidiu fazer o serviço com recursos próprios. Ela informou que nesse momento chegou ao local o cunhado da prefeita, Marconi Rolim, que teria jogado seu carro contra ela, momento em que ela conseguiu se jogar e sair da frente do carro na rodovia. 

Ainda relata que o suspeito teria descido do carro com uma arma na mão e se dirigiu para onde estava a vereadora. Ela pegou o carro e fugiu para pedir socorro na Delegacia.

Em entrevista ao Portal ClickPB, o marido da vítima, Adriano Martins, informou que o suspeito mirou para jogar o carro por cima da vereadora e que ela se jogou do barreiro. "Ela se jogou do barreiro, deu um cavalo de pau e desceu da caminhonete com um revólver. Não executou ela porque vinha passando um caminhão na hora e o caminhão trancou ele. Ela correu para o carro e veio para a Delegacia", relatou Adriano Martins. 

Ele também afirmou que o cunhado da prefeita foi recém liberado da prisão por envolvimento com o tráfico de drogas. 

Adriano disse que a Polícia Civil iria levar a vereadora para o Hospital de Itabaiana para fazer corpo de delito. "Não é a primeira vez. Há três anos atrás ele tentou matar a mãe dela, que era a vice-prefeita. Ele entrou na casa da vice-prefeita e deu uns tiros lá, na última campanha de prefeita", contou o marido da vereadora. 

A polícia segue fazendo rondas pela região em busca do suspeito, que até o momento encontra-se foragido.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Anúncio
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas