Sexta, 16 de novembro de 2018
83 99868-8794
Política

14/09/2018 ás 21h32

Redacao

Teresina / PI

Jáder Filho trai Ricardo Coutinho e o PSB
Embora se queixe de tratamento inadequado, o vereador e sua esposa continuaram ocupando seus cargos na gestão
Jáder Filho trai Ricardo Coutinho e o PSB
Camila Toscano, Lucélio Cartaxo, Jáder Filho e Zenóbio Toscano

Vereador da bancada do PSB na Câmara de Guarabira, Jáder Filho resolveu retornar aos braços do prefeito Zenóbio Toscano (PSDB). Ontem (13), Jadinho se encontrou com Zenóbio, a deputada Camila Toscano e o candidato a governador Lucélio Cartaxo (PV), fez pose para fotos e passa a apoiar os candidatos de oposição ao governador Ricardo Coutinho.


O desembarque de Jáder da gestão socialista e do grupo Girassóis de Guarabira não foi, para os observadores da cena política, uma novidade. O filho do Dr. Jáder, já vinha dando sinais claros de que não acompanharia os candidatos do PSB. Em pronunciamento na Câmara, Jadinho fazia elogios gratuitos aos oposicionistas, mas aguardava o afunilamento da campanha para trair o governador e seu partido.


Jáder ocupou espaços importantes na estrutura administrativa do Estado, sendo nomeado para diretor do Interpa, na primeira gestão de Ricardo, e depois sendo nomeado como assessor particular do governador. Perto de encerrar o mandato de Ricardo, o parlamentar cospe no prato que comeu por quase oito anos.


Em contato com a imprensa, Jáder Filho disse que estava insatisfeito com o tratamento dado pela direção do Hospital Regional de Guarabira à sua esposa, Rosane Emídio, que ocupa cargo de confiança em uma das direções na unidade hospitalar.


“Tudo tem um começo e tem um fim. A gente tenta organizar as coisas da forma mais assertiva e ver se Rosane pode continuar tendo o apoio que tinha no passado, porque ela é uma pessoa respeitada em Guarabira. A aliança com o Governo está desgastada porque já tive vários encontros com pessoas do PSB em Guarabira e prometeram modificar o quadro, mas nada aconteceu”, reclamou o parlamentar.


Embora se queixe de tratamento inadequado, o vereador e sua esposa continuaram ocupando seus cargos na gestão e não tiveram a iniciativa de pegar o boné e entregar os cargos. Somente faltando menos de três meses para acabar o governo de Ricardo, Jáder se engraçou de Lucélio Cartaxo, fez as pazes com Zenóbio e quer uma fatia do bolo, agora na Prefeitura.


Jadinho, na Câmara, fez um relato dos cargos que ocupou na vida pública e pela longevidade pode ser considerado um expert na arte de driblar as intempéries do poder e em furar estruturas blindadas e se sentar na primeira fila das opções de cargos.


Ninguém se surpreenda se ainda antes da chegada de Papai Noel o Diário Oficial do Município circular com nomeação de pessoa ou pessoas ligadas a Jáder ou o próprio para cargo de confiança na gestão ZT. Não me causaria espécie.

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium